23 de ago de 2011

Vale a pena assistir: Velozes e Furiosos 5 - Operação Rio


Sinopse: Dominic Toretto (Vin Diesel) foi resgatado da prisão por sua irmã Mia (Jordana Brewster) e Brian O'Conner (Paul Walker), que realizam um ousado resgate sobre rodas. Logo em seguida, ele desaparece. Brian e Mia vão até o Rio de Janeiro, onde encontram Vince (Matt Schulze). Ele propõe ao casal o roubo de carros que estão sendo levados em um trem, algo que, segundo ele, será uma operação simples que renderá um bom lucro. Durante a operação, Dominic reaparece e diz à irmã que os planos mudaram. Ela então leva um dos carros a um esconderijo em plena favela carioca, deixando Dominic e Brian enfrentando policiais e bandidos. Ao desmontar o carro, o trio descobre que ele contém um chip com todas as operações ilegais de Hernan Reis (Joaquim de Almeida), incluindo onde guarda o dinheiro arrecadado. É o suficiente para que eles elaborem um plano para roubar a fortuna de Reis, contando com a ajuda de vários amigos.

Opinião: Eu sei que esse filme apesar de ser novo, já não é mais tão lançamento assim para os amantes do cinema. Acontece que eu tenho um caderninho com todos que eu tenho que postar mas ás vezes me embolo na programação dos posts e eles acabam ficando esquecidos... Vi esse filme logo que estreiou e achei bem bacana! Tem bastante ação, é divertido e deixa a gente entretido. Alguém já assistiu? Indico! ;)

7 Comentários:

Anônimo Responder disse... Responder

já vi e ameeeeeeei sz'
da vontade de ver toda hora de tão bom que é ! Rsrsrs'
Também Indico.
Beijos Stephanie ;*

Polly Chiarello disse... Responder
Este comentário foi removido pelo autor.
BiancaRegina Responder disse... Responder

Também achei o comentário da Polly Chiarello muito oportuno, todos deveríamos ser atentos a isso. Eu detesto ver o Brasil sendo desmerecido e às vezes sinto muito por pensar até que grande parte da culpa disso é "nossa" (como sociedade), quando o promovemos como o país do carnaval ou do futebol. Mas, com todo respeito, eu faria um grande ressalva e muito importante ao comentário da Polly: Eu sei que o Rio de Janeiro se torna o centro das atenções pelo caos gerado pelas milícias, etc. Mas é inegável que povo preguiço, roubos e sujeira tem em todas as regiões, inclusive no sul. Eu discordo que seria mostrando o sul que veriam a beleza do país. Quero dizer, ela está em todas as demais regiões, cada uma com sua particularidade. Não importa o lugar que mostrassem, poderia ser: norte, nordeste, centro-oeste, sul ou sudeste. O Brasil tem lugares lindos e muita coisa boa pra se mostrar em todas as regiões (e até na cidade do Rio). Nesse caso, é a escolha sobre o que se quer mostrar por parte de quem está por trás das lentes e do roteiro que faria realmente diferença. A beleza está nos olhos de quem vê, não importa o lugar. É a minha opinião. :)

Beijo, Beca! :*

Débora disse... Responder

Olha,concordo tbm aí com Polly.Parece que eles não pesquisaram nada,acho ridiculo isso de generalizar rio de janeiro,drogas drogas,favela,roubo,favela,mulé (magrela) semi nua.. to vivinha da silva ate hj,parece que é isso aí o tempo todo e toda hora.
E deserto no Brasil ? e um trem passando por ele ?? festinha em baixo do viaduto na rua av. nossa senhora de copacabana,isso não existe oO. e a "ponte rio-niteroi" aquilo era um rio e a ponte não é nem assim,fora as falhas da perseguição nas ruas está escrito "bus", "stop"..
achei esse filme bem péssimo,mt fraco.. os outros são melhores.
mas é só minha opnião :]

Márcia disse... Responder

Não assisti porque não gosto desse tipo de filme. não faz o meu estilo. Mas não entendi o comentário da Polly, sobre mostrar o sul do Brasil.Não conheço o Brasil de Norte a Sul como ela parece conhecer. Conheço o Nordeste que é lidíssimo, assim como vejo pela tv as belezas do Amazonas, a Foz do Iguaçu, no Paraná, as belas paisagens de Minas Gerais, assim como o próprio Rio de Janeiro, que abriga uma das sete maravilhas do mundo. Não adianta querer que os estrangeiros saibam valorizar o que os Própios brasileiros não reconhecem.O meu país tem diversidade nas suas raças,religiões, cultura,paisagens, até mesmo em suas temperaturas. E sendo um país continental, também tem espaço para pobreza, violência, corrupção e muito mais. Como em outros lugares do mundo que são habitados pelos seres humanos. Onde há ser humano, há maldade, mas ainda acredito que haja muito mais bondade. E isso o Brasil também tem de NORTE a SUL. De LESTE a OESTE!Bjo Beca. Marry

Polly Chiarello disse... Responder
Este comentário foi removido pelo autor.
BiancaRegina Responder disse... Responder

Oi, Polly! Eu só queria registrar que li sua resposta e que continuo discordando veementemente da sua argumentação. O fato de uma região ter um destaque econômico maior, por si só, não significa que ela não se destina a caipirinha e carnaval ou que ela não tenha essa imagem para os estrangeiros, ao contrário das outras regiões. Para mim, isso não faz o menor sentido e, felizmente, não consigo ver argumentação crítica e tão pouco racional no que você falou. Eu teria várias coisas legais pra gente discutir, mas eu vou encerrar meu ponto por aqui e não vou mais aprofundar ou comentar o assunto porque eu também sei que o blog não é espaço pra isso e a Beca merece todo o meu respeito. Me desculpe, Polly, se faço parecer que estou utilizando palavras duras ao discordar de você nesse comentário, não é a minha intenção. Aliás, eu compreendo o seu pensamento e discordo de você, no entanto, defendo até o fim o direito que você tem de expor a sua opinião. Me desculpe qualquer coisa.
Beca, desculpe, de coração, a movimentação por aqui e muito obrigada pelo espaço concedido. Beijo!